http://betahit.click/gg/bet/?param=fragliderpt_banners

Aziado: "Os Barons foram o fator decisivo!"

A final da LPLOL já passou porém, continuamos a trazer conteúdo sobre esta. Agora, fomos ao encontro de Tiago "Aziado" Rodrigues, o Mid Laner dos Alientech para percebermos o ponto de vista dos vice-campeões da LPLOL. Deixamos então com o teor desta conversa.
 

No que toca à Mid Lane, o Bacacórnio já disse que na próxima season pretende ser o melhor mid português, agora com a saída do Xico, quais são os teus objetivos?

Ser o melhor mid português nunca foi das minhas preocupações.Acho que é necessário ter outros objetivos, ser alguma coisa em Portugal é muito curto. Pessoalmente, quero chegar à Challenger Series, quero chegar à LCS e não me interessa mesmo nada ser o melhor em Portugal se depois vou a competições lá fora e não conseguimos vencer.

Existem aí muitos mid laners que se continuarem com o bom trabalho, provavelmente vão evoluir imenso. Por exemplo, gostei imenso de jogar contra o Bacacórnio, mas sinto que ainda lhe faltam algumas coisas. Em relação ao resto, acho que trabalho mais do que os outros nesse sentido e isso acaba por se notar nos torneios.

Estava tudo planeado para defrontares o Joaos92 na mid lane. Como correu a laning phase e os jogos contra o João?

Durante a nossa preparação, foi tudo planeado praticamente pensando que só o JoãoS92 iria jogar, porque achavamos que o Xico não podia jogar. Por isso,ao efetuarmos o scouting nem vimos com que champions é que o Xico andava a jogar, focamo-nos apenas no João e verificamos se o Minitroupax tinha jogos de mid, coisa que não tinha.

Portanto, estavamos preparados para jogar contra o João, pelo que eu sentia que estava num nível superior ao João na laning phase e achava que ia conseguir ter vantagens early game, sendo que levei a torre do mid e criei pressão em quase todos os jogos. Apesar de não ter conseguido tanto snowball como queria, consegui pequenas vantagens ao longo do tempo.
 

Aziado: "O Xico é um jogador completamente diferente e que gosta de carregar jogos"

No segundo jogo aparece o Xico, tiveste que mudar todo um setup mental e de tudo o que tinhas planeado. O que te passou pela cabeça, o que é que tiveste que mudar, como foi encarar o Xico de um momento para o outro?

É um mid laner completamente diferente, não só do João, como de todos os outros em Portugal. O Xico é um jogador que gosta de carregar jogos e, se queres carregar jogos, tens de começar por ter um bom early game. Para além de não nos termos preparado para jogar contra o Xico, nós tentamos banir coisas que achavamos chatas e não sabiamos se ele jogava ou não. Falo, por exemplo, da LeBlanc, visto que não sabíamos se ele tinha a LeBlanc preparada.

Ao jogar contra o Xico, já sabia que não ia conseguir tanto snowball no mid, mas estava confiante em mim próprio e sabia que, muito provavelmente, ia conseguir vantagens no mid. Acabei por conseguí-las nos dois jogos que fiz contra ele, com ou sem ganks, acho que safei-me bem em ambos.

Achas que a entrada do Xico pode ter sido um fator que levou os K1CK à vitória?

Foi um fator queos ajudou imenso porque tirou-nos um pouco do momentum que ganhamos com o primeiro jogo. O segundo jogo se tivesse sido contra o João, teria sido um pouco diferente. O Xico trouxe um estilo de jogo completamente diferente para os K1CK. Sabia onde estar no mapa, enquanto que senti o João um pouco mais perdido. Pessoalmente, acho que influenciou um bocado, no entanto não foi um factor decisivo.

Vocês pareciam sempre conseguir ter alguma vantagem no early game, praticamente em todas as lanes, sendo que num dos jogos chegaram a estar na base deles, na torre do Inhibitor, aos 20 minutos, e depois acabavam por perder a vantagem até aos K1CK conseguirem fechar o jogo. O que é que achas que correu mal?

Tal como o Fintas afirmou, nós sabiamos que eramos mais fortes no early game e acho que em todos os jogos conseguimos um pequeno snowball, ou pelo mid ou pelo bot, apesar deste ter sido mais equilibrado. Ainda assim, overall, em todas as lanes, nós saímos quase sempre com vantagem. Contudo temos perfeita noção que esse não é o forte dos K1CK, mas sim o mid game e quando se começam a juntar, visto que o LeChase e o Rhuckz têm imensa sinergia, e nós sabiamos que aí ia ser mais díficil para nós. Isto notou-se em alguns jogos, em que os K1CK tiveram free barons, coisa que não pode acontecer. O Baron ,sim, foi um factor decisivo nesta série, porque eles conseguem vários free nashors ao longo desta e tornou-se muito problemático para nós.

No que toca à equipa, estão agora no qualificador da Challenger Series. Quais são os objetivos futuros da equipa e/ou pessoais?

Os objetivos da equipa passam por entrar na Challenger Series, pelo que vamos tentar chegar o mais longe possível sempre com esse objetivo em mente. Fora disso é dar sempre o nosso melhor nos torneios em Portugal e talvez tentar aparecer em mais uma DreamHack, vamos ver.

Os meus objetivos pessoais são os mesmos desde há muitos anos. Quero chegar à LCS, sonho imenso com isso, e cada vez mais acredito que é possível. Já muita gente me disse "Tu és maluco" ou "Estás a sonhar muito alto", mas cada vez tenho mais gente ao meu lado que acredita em mim e isso faz com que tenha uma maior autoconfiança e confiança no meu gameplay.

Para além disto, acho que uma coisa que falta a muita gente, é o facto de serem bons jogadores em soloQ, mas quando estão num ambiente de equipa não são bons teammates e, pessoalmente, acho que isso foi um problema meu e vou tentar ser um melhor teammate na próxima season e esperar que isso seja suficiente para tentar atingir o meu sonho o mais cedo possível.

Queres deixar algumas palavras finais?

Queria agradecer à AlienTech, pois têm sido um grande apoio em todos os torneios que tivemos e a todos os meus colegas que, felizmente, partilham o mesmo objetivo que eu, algo que é muito raro de se ter e é uma coisa que eu procurei imesos anos. Estou mesmo feliz em estar nesta equipa e acredito que vamos chegar longe.
 
Ainda hoje pretendemos concluir a cobertura da Comic Con com o lançamento do rescaldo com o treinador dos K1CK, Guilhoto e o AD Carry, MiniTroupax.







2231