SHOUW: "Eu quero estar numa equipa em que me sinta bem"

Presentes no auditório do ISMAI para o segundo dia da Master Cup Portugal que se encontra a decorrer com o jogo entre Hexagone e OFFSET.OMNI, partilhamos agora uma das entrevistas realizadas ainda durante o primeiro dia do evento com um dos protagonistas do dia.

À conversa com Rui "SHOUW" Reis que está neste momento a representar os OFFSET Esports nesta competição na qualidade de standin, falamos do regresso do jogador aos grandes palcos, das vitórias que foram alcançadas durante o dia de ontem bem como os planos futuros de um jogador histórico na scene de Counter-Strike e que procura voltar em força ao ambiente competitivo.


SHOUW não jogava uma LAN desde as primeiras finais da Superliga onde recebeu um prémio de MVP.

Fraglíder: SHOUW, de volta aos grandes palcos depois de practicamente meio ano sem aparecer - a tua última LAN tinha sido nas finais da primeira temporada da Superliga Portugal. Aqui, vocês conseguiram vitórias contra duas boas equipas e estão já na final com um mapa de vantagem. Qual foi o sentimento de regressar à competição?

SHOUW: Em relação ao meu regresso às LANs, é uma sensação que sempre gostei - estive muitos anos a participar neste tipo de torneios offline quando não havia qualificadores online. É uma sensação muito boa estar a jogar com quem te sentes bem e tens uma boa sinergia. Quanto aos jogos, correram bem mas secalhar não posso dizer que superaram as nossas expectativas porque estávamos confiantes, conhecíamo-nos uns aos outros e íamos jogando juntos online independentemente de não treinarmos para estas finais da Master Cup Portugal. Nós conhecemo-nos minimamente uns aos outros e acabou por ser tudo feito na base da comunicação e das calls do ingame leader, resultando naquilo que foi feito.

Fraglíder: A última equipa que representaste num nível mais sério foram os Electronik Generation antes de regressares pela mão dos Hexagone num projecto que durou pouco e foi seguido de um ainda mais curto na FTW com o axoN. Agora, foste chamado pelo stadodo para este torneio e ajudaste a equipa na qualificação para esta fase final no ISMAI onde encontraram e derrotaram os OFFSET.OMNI. Contra uma equipa tão experiente e que ganhou tudo o que havia para ganhar o ano passado em Portugal, como foi preparada esta vitória no pré-jogo?

SHOUW: Bem, para ser sincero uma das nossas maiores preocupações foi mesmo a fase dos vetos porque não tivemos tempo para treinar devido a incompatibilidades de horário enquanto que as outras equipas estiveram a treinar durante esta semana. Para nós, foi tudo uma questão de perceber qual era o mapa e que equipa íamos defrontar no jogo seguinte, com tudo a resumir-se às calls, a respeitar a tática estabelecida e deixarmo-nos levar um bocado pelo que acontecia na ronda.


"Eu quero estar numa equipa em que me sinta bem."

Fraglíder: Certamente que sentir de novo um ambiente mais competitivo te deixa com algumas expectativas criadas em torno do próximo shuffle nacional. Neste momento tens estado mais dedicado à tua stream mas quais as tuas ambições a nível competitivo? Estás a ver-te a jogar numa equipa num futuro próximo?

SHOUW: Eu sempre disse que o meu objectivo é estar presente e em competição. Em relação às streams, é um ponto um bocado mais pessoal - é algo de que eu gosto, de entreter as pessoas e mostrar o meu estilo de jogo, também por outras questões financeiras, acho que todas as pessoas que streamam tentam e querem ter essa oportunidade. Eu quero estar numa equipa em que me sinta bem, tenha boas condições e se Deus quiser estarei a fazer uma segunda metade de ano excelente.

Fraglíder: O próximo jogo nesta competição será o BO3 entre OFFSET.OMNI e Hexagone. Existem favoritos para ti? Existe alguma preferência em relação à equipa que queres defrontar na final?

SHOUW: Eu disse para não ficarmos muito contentes porque fizemos um bom jogo mas a final pode ser diferente, até pode calhar o mesmo mapa que jogamos contra uma dessas equipas e ter um resultado diferente, correr mal. Entre os OFFSET.OMNI e os Hexagone, acho que são duas equipas completamente boas mas que em termos de experiência destacam-se claramente os OFFSET.OMNI. Se tivermos de defrontar novamente essa equipa, é mais uma vez, mais uma final - temos uma vantagem de um mapa por isso estamos tranquilos.

Fraglíder: Muito obrigado SHOUW e boa sorte para a grande final da Master Cup Portugal.




 
Topo