Finais da ESL Pro League S8 e da ECS S6 definidas

Pela sexta vez, estão encontradas as 8 equipas que irão participar na ECS Finals, depois das fases onlines da ECS Season 6 North America e ECS Season 6 Europe terminarem, com as quatro melhores equipas de cada liga a conquistarem um lugar na fase final. Também a ESL Pro League entra na sua reta final, após o apuramento de sete equipas no continente europeu, seis na américa do norte, às quais se juntam ainda as vencedoras da região asiática, América Latina e da Oceania.

O destaque vai para a Sharks Esports Team, equipa bem conhecida pela comunidade portuguesa, que revalidou o título conquistado na época passada, após derrotar a Isurus Gaming num jogo à melhor de 5. A equipa brasileira entrou com o pé direito conseguindo mesmo vencer a map pick do oponente, 16-5 no Nuke. No entanto, os argentinos conseguiram responder à altura e venceram no Mirage também por 16-5, mas a equipa de Leonardo "leo_druNky" Oliveira não se deixou intimidar e venceu o Dust2 e o Train por 16-9 e 16-14 respetivamente, encerrando a série num 3-1.


A equipa dos Sharks venceu a ESL LA League novamente e carimba presença em Odense.

A fase final da ESL Pro League S8 decorrerá novamente na Dinamarca, em Odense, cidade que recebeu a ESL Pro League S6 Finals. Equipas como Na’Vi, G2 e North irão defrontar-se de 4 a 9 de dezembro por uma prize pool de $750,000 USD. A fase de grupos irá ocupar os 3 primeiros dias da competição, constituída por 2 grupos de 8 equipas, com as seeds baseadas nas classificações online. O formato utilizado será de eliminação dupla GSL, com os jogos inaugurais a serem jogados à melhor de um, enquanto que os seguintes serão todos à melhor de 3. O vencedor de cada grupo estará automaticamente qualificado para as semifinais, enquanto que o segundo e terceiro classificado se irão defrontar nos quartos de final. Esta fase de playoffs será jogada no formato de eliminação única, com a final a ser jogado numa série à melhor de 5.

Já a ECS Season 6 Finals irá opor Astralis, NiP, mibr, Cloud9 (equipas estas que irão estar presentes na BLAST Pro Series em Lisboa), entre outras de 22 a 25 de novembro. De notar que o agora roster europeu da Cloud9 terminou a fase online em 5º lugar, mas irá estar presente na fase presencial ocupando a vaga deixada pela Renegades, que alegou problemas com a emissão do visa. A fase de grupos decorrerá nos primeiros dois dias e também será jogada num sistema GSL com dupla eliminação, com 2 grupos de 4 equipas cada. As duas melhores classificadas dos respetivos grupos passarão aos playoffs de eliminação única, com a vencedora a levar $250,000 USD da prize pool total de $660,000 USD.

Eis a lista de equipas que irão participar em cada uma das finais em LAN das duas maiores ligas internacionais de CS:GO:

ESL Pro League S8
 Natus Vincere G2 Esports
 BIG North
 Astralis mouseports
 HellRaisers Ghost Gaming
 MIBR Team Liquid 
 Renegades NRG
 INTZ  ORDER 
 ViCi Gaming Sharks Esports 


ECS S6
 NiP Astralis 
 mouseports North
 NRG MIBR
 Cloud9 Team Liquid 





 
Topo