K1CK e OFFSET dividem 1º lugar - Resumo 1ª Divisão - Jornadas 5 e 6

Para começar a semana Offset Esports e Panthers Esports, que agora contam com “sillerhw” no lugar de “Dixon”, jogaram no mapa Dust 2. Na primeira parte, os OFFSET subjugaram por completo a ofensiva das panteras. A equipa foi melhor em movimentação e controlo das áreas do mapa o que lhes rendeu um 12-3 na primeira parte. Na segunda metade, os Offset foram implacáveis e conseguiram levar todas as rondas fechando a partida com um 16-3. Os Offset mostraram boa sinergia, capacidade de leitura de jogo e versatilidade e o conjunto desses fatores deu-lhes uma vitória com vantagem alargada, sobre uns Panthers que se mostraram mais passivos e indecisos nas suas calls. O destaque da partida ficou com o “JUST” que segurou várias rondas para a sua equipa. Logo atrás ficaram “stadodo” e “obj.

For The Win Esports e GTZBulls Esports optaram pelo mapa Train para disputarem o seu jogo e pela primeira vez vimos uma FTW relativamente confiante na primeira parte. Os GTZBulls conseguiram conquistar algumas rondas, mas a sua estratégia de apostarem em rondas mais lentas não teve o melhor resultado para a sua equipa. Em algumas ocasiões a equipa chegou mesmo a conseguir plantar a bomba, mas a FTW soube responder e não demorava muito até retomar a posição. A atacar a FTW conseguiu continuar a conquistar entry kills e a tirar partido dessa vantagem numérica. Os GTZBulls conseguiram pontuar nas primeiras rondas da segunda parte, mas a fénix soube manter a calma e não perder o controlo do jogo. O trabalho e tempo dedicados compensou e a FTW garantiu a sua primeira vitória na liga de uma forma convincente. O destaque do jogo foi para o “NOPEEJ” com 25 kills.

Baecon GG e K1ck Esports Club também jogaram em Train, onde os K1ck entraram fortes com “Cunha” a mostrar-se essencial ao longo da primeira parte para abrir os bombsites para a sua equipa. Os Baecon demoraram a aparecer no jogo e tiveram dificuldades em encontrar uma resposta adequada à estratégia dos K1ck e os linces saíram da primeira parte com um 5-10. Na segunda parte, os K1ck continuaram a jogar melhor em conjunto do que a equipa adversária e a mostrarem-se também mais fortes a nível individual com o “Cunha” a fazer um grande jogo para a sua equipa. O homem em destaque foi sem dúvida o “Cunha”, que fez um grande jogo na sua totalidade e amealhou um total de 33 kills.


Numa das performances individuais mais dominantes da LPCS até agora, Cunha foi o abono de família dos K1CK frente aos Baecon.

A jornada terminou com o mapa Cache entre ASP Esports e Team HD, que jogaram com “Shooler” no lugar de “pih”. Foi uma partida sem muita história para contar e que se resumiu a um jogo em que os ASP dominaram do início ao fim. O trabalho dos ASP obrigou os Team HD a jogarem fora da sua zona de conforto e a equipa impôs o seu ritmo no encontro. Os Team HD conseguiram pontuar por apenas duas vezes ao longo do jogo ficando o MVP para o “whatz”.

A 6ª jornada arrancou com um derby entre GTZ Bulls e Baecon em Dust 2. Na primeira parte. os GTZBulls conseguiram jogar bastante bem com o estilo de jogo dos Baecon e prever grande parte das opções estratégicas do seu adversário. No entanto, a equipa acabou por pecar mais a nível de rotações e a nível individual, o que levou a uma eventual recuperação dos Baecon e a uma primeira parte que fechou com os Baecon a vencerem por 6-9. Na segunda parte, as equipas começaram por trocar algumas rondas entre si até que os Bulls começaram a ter mais dificuldades em ultrapassar a parede defensiva dos Baecon, a partir da 20ª ronda, os setups para o bombsite do A fizeram a diferença e o jogo fechou com o resultado de 10-16 para o lado dos Baecon. “bra” ficou em destaque com 24 kills, em contraste com “abr”, que mesmo sendo quem mais matou do lado dos Bulls conseguiu apenas 15 kills para a sua equipa.

Em Train a FTW optou por uma estratégia de progressão lenta contra os Offset, cujo resultado foi muito fraco para fazer frente à defesa dos Offset, que jogaram de forma recuada no mapa. A FTW conseguiu apenas dois pontos a atacar, nas 6ª e 14ª rondas respetivamente e assim sendo saiu da primeira parte a perder por 13-2. Os Offset chegaram ao match point à 17ª ronda, mas a partir daí a fénix despertou e decidiu que as coisas não iam ser assim tão fáceis para o seu adversário. A FTW começou a encaixar ronda atrás de ronda sempre com alguém a segurar as pontas para sua equipa e garantindo os pontos. Foram 12 rondas seguidas para o lado da FTW, que demonstrou ser uma equipa resiliente e capaz de responder em situações complicadas, mas o jogo acabou mesmo com o resultado de 16-14 para os Offset com “JUST” a destacar-se de longe no servidor ao conseguir 37 kills para sua conta pessoal.


Os OFFSET não ganharam para o susto diante da FTW, acabando por fechar o mapa por 16-14 após um 15-2; as 37 frags de JUST fizeram a diferença.

O jogo seguinte deu-se no mapa Inferno entre K1ck e ASP. Na primeira metade, ambas as equipas tiveram bons apontamentos e o resultado acabou por ser bastante equilibrado para ambos os lados, mas no caso, com os ASP a conseguirem colar mais balas e a saírem por cima no marcador com um 9-6 ao intervalo. Na segunda parte, os linces conseguiram empatar as contas 9 a 9 à 18ª ronda e a partir da 21ª ronda começaram de facto a destacar-se, com o “PLAT” a fazer um grande jogo e a ser bem sucedido na sua procura de criar jogadas. Os erros dos ASP na segunda parte custaram-lhes caro e a reviravolta dos K1ck foi confirmada na 28ª ronda. O MVP acabou mesmo nas mãos do “PLAT”, que abateu 27 adversários.

A jornada fechou com o jogo entre Panthers e Team HD em Cache, duas equipas que sofreram alterações de plantel recentemente e que se encontram desejosas de apresentar mais resultados positivos. Na primeira parte, os Panthers até começaram bem a atacar, mas rapidamente foram perdendo terreno para os Team HD devido a alguns erros desnecessários, que os colocaram em desvantagem por cinco rondas ao final do primeiro tempo. Na segunda parte, as panteras chegaram a estar a perder por 13-7, mas chegaram ao empate na 28ª ronda. A possibilidade de um comeback estava à vista, mas os HD numa boa jogada regressaram à partida e fecharam o jogo com um 16-14 a seu favor. Ambas as equipas apresentaram falhas e faltas de coesão que lhes custaram rondas importantes, os jogadores ainda apresentam alguma instabilidade a jogarem em conjunto, o que de certa forma seria de esperar tendo em conta as mudanças recentes em ambos os lados. O MVP do jogo foi o “K0mpa” com 26 kills.

Estamos já muito perto da metade do split e esta semana presenciámos uma 5ª jornada com jogos que podem ser definidos como bastante one sided e uma 6ª jornada bastante mais renhida e com direito a reviravoltas. A classificação desta semana fecha com os K1ck a dividirem o 1º lugar com os Offset, seguidos de perto pelos Baecon e ASP. No fundo da tabela para surpresa de muitos estão os GTZBulls e os Panthers com apenas uma vitória cada uma.

Passo a passo a classificação final do split vai-se desenhando, mas ainda restam muito jogos pela frente e nada pode ser dado como certo. Não deixem de acompanhar as próximas jornadas nos dias 20 e 21 de fevereiro, a partir das 20 na Twitch.

Podem consultar todos os resultados da liga aqui.

Resumo feito pela LPCS.




 
Topo