Eyeshield sem equipa de CS:GO, jogadores separam-se

A Eyeshield encontra-se de momento sem uma equipa que a represente no Counter-Strike: Global Offensive. Depois da antiga equipa não conseguir atingir os objetivos pretendidos pela própria, nem uma reviravolta nos eventos foi suficiente para manter o lineup junto.

Capitaneados por Rafael "zeppelin" Mangenot, os jogadores tinham como meta chegar aos playoffs que dariam acesso à ESEA Main. No entanto, André "Frogg" Castanheira acabou por ter de se ausentar da equipa devido ao seu trabalho profissional, com João "StOnE" Nunes e Miguel "LucKyMaNN" Mota a deixarem também o plantel, ingressando na Scape e na HD, respetivamente.


Vulk e zeppelin encontram-se neste momento sem equipa.

Para colmatar as perdas, Luis "tyk0" Cunha e o duo composto por Carlos "decl1N" Ribeiro e João "Palheta" Carvalho, antigos companheiros na Rhyno e na mix OKIOKIOK, ingressaram na organização. No entanto, com Ricardo "Vulk" Durão e companhia a ficarem a uma posição dos jogos de apuramento para a próxima divisão da ESEA, bem como a falha em qualificarem-se para a Summer split da LPCS, levaram a equipa a cortar o duo recém-chegado.

Com apenas três elementos, os jogadores ainda tentaram rejuvenescer o plantel, com a variante de terem, na verdade, uma das 32 vagas disponíveis para os playoffs. Contudo, Luis "tyk0" Cunha acabaria mesmo por se juntar a Miguel "LucKyMaNN" Mota na HD, tornando impossível a missão da equipa de encontrar três novos jogadores adequados ao projeto, com o mesmo a ficar pelo caminho numa altura em que precisavam de vencer apenas 1 BO3 para se qualificar para a ESEA Main.




 
Topo