Imperial recebe investidor e assegura nova equipa de CS:GO

De acordo com a peça do MaisEsports escrita por Roque Marques, a Imperial Esports possui um novo investidor e irá regressar ao cenário competitivo de Counter-Strike: Global Offensive enquanto estuda planos para se expandir em outros títulos de Esports.

A organização fundada por Felippe “felippe1” Martins passará a trabalhar com Emmanuil Inglesis, veterano do 1.6 que jogou no passado ao lado de Wilton "zews" Prado (coach da MIBR) e Ricardo "dead" Sinigaglia (Manager da MIBR) na YeaH Gaming e que agora faz carreira no mercado financeiro, regressando aos Esports enquanto investidor e adquirindo uma parte minoritária da Imperial.


A equipa de SHOOWTiME foi a última a representar a Imperial no CS:GO.

O contacto entre ambos terá sido feito a partir de um amigo em comum, com Emmanuil Inglesis a continuar ligado aos Esports desde que se retirou competitivamente no início dos anos 2000 e a seguir o percurso dos seus ex-colegas de equipa que agora atuam na MIBR, tendo estudado a possibilidade de regressar e olhado para o mercado com mais atenção desde que saiu da empresa onde era sócio.

Já com um lineup de CS:GO assegurado, o mesmo ainda não foi anunciado - de recordar que a organização não tinha uma equipa masculina desde que Gustavo “SHOOWTiME” Gonçalves e companhia saíram em Abril deste ano após cerca de 7 meses na Imperial, com o novo projeto a ser apresentado nos próximos dias. Os planos da organização vão para além do CS:GO e do CrossFire, com a Imperial a estudar a presença noutros jogos e a ter já feito sondagens no mercado de Rainbow Six Siege, olhando para os jogos mobile e Fortnite também com interesse.



 
Topo