OpTic seguem caminhos distintos, jogadores abertos a propostas

Com várias alterações a serem anunciadas hoje em equipas dinamarquesas, mais uma informação surge com os jogadores que restaram no projeto dos OpTic a decidir seguir caminhos distintos e procurar novos futuros em outras organizações.

A equipa dinamarquesa que ocupava o lugar #21 do ranking mundial da HLTV viu hoje René "cajunb" Borg desfalcar o quinteto para regressar aos North, tendo sido a gota de água após um acumular de diversas situações desde que os Immortals decidiram adquirir a Infinite Esports, empresa mãe dos OpTic Gaming e que impediu diversos investimentos prometidos aos jogadores. A equipa dinamarquesa foi ontem eliminada da ESL Pro League Europeia após 3 derrotas em 3 jogos, tendo de ir a jogo com Oliver "kwezz" Rasmussen que ocupou a vaga deixada em aberto no lineup.


k0nfig pretende ser comprado do seu contrato para ter um novo início em outros projetos competitivos.

No seu Twitter, Mathias "MSL" Lauridsen anunciou que decidiu ir para o banco da equipa por iniciativa própria e revelou que quando se juntou aos OpTic, o plano era construir uma equipa forte através da aquisição de bons jogadores, com a compra da organização a impossibilitar esse plano e a construção de uma equipa sólida.

Pouco mais tarde, Kristian "k0nfig" Wienecke informou aos seus seguidores que a equipa decidiu separar-se após chegar a consenso que não existe um futuro nos OpTic, estando agora disponíveis para serem comprados dos contratos que os ligam à organização, lamento toda a situação devido a durações de contrato diferentes e a impossibilidade de contrarem jogadores para jogarem no projeto.

Os OpTic Gaming estavam reduzidos aos seguintes elementos:

 Nikolaj "niko" Kristensen
 Kristian "k0nfig" Wienecke
 Rene "TeSeS" Madsen
 Mathias "MSL" Lauridsen

 Casper "ruggah" Due (Treinador)




 
Topo