Sharks fora da ECS após duelo brasileiro contra MIBR

A equipa brasileira dos Sharks Esports foi eliminada há minutos das finais da ECS S8, despedindo-se de Arlington após somar derrotas contra Astralis em BO1 e também contra a MIBR, num BO3 a contar para o Grupo B da competição.

A equipa de Raphael "exit" Lacerda foi das primeiras a assegurar uma das 8 vagas nas finais de $500,000 após ser a equipa que mais prizepool acumulou nas duas primeiras semanas da fase regular Norte Americana, medindo forças com algumas das melhores equipas do mundo na ECS.


Luken foi o jogador que mais se destacou dos Sharks no conjunto dos 3 mapas disputados. (Foto por Hltv.org)

Contra os Astralis, o conjunto brasileiro apresentou-se em grande plano e por detalhes não conseguiu fechar a vitória contra a equipa #1 do mundo em Nuke, cedendo o Overtime no 15-14 a seu favor e acabando por ver os dinamarqueses fugir com a vitória por 19-15 em Overtime.

Com encontro marcado diante da MIBR no dia 2, a partida de eliminação viu os mapas de Vertigo, Train e Inferno serem selecionados após veto - na sua escolha, a equipa de Ignacio "meyern" Meyer voltou a dar cartas novamente mas o desfecho foi o mesmo - derrota próxima por 16-13 para as tropas de Gabriel "FalleN" Toledo.

No Train, a história foi diferente e a MIBR aplicou um 16-7 para eliminar os Sharks da competição, seguindo em frente para defrontar os fnatic mais tarde - a equipa que representa a organização portuguesa vai para casa com mais $12,500 amealhados.



 
Topo