Vodafone Giants asseguram investimento de 3 milhões de Euros

A organização espanhola dos Vodafone Giants anunciou hoje os resultados da sua primeira ronda de financiamento, assegurando 3 milhões de euros através do grupo Sánchez Cózar que opera no setor do treino.

Esses fundos destinam-se à construção de infraestruturas maiores em Málaga, à criação de novos produtos e expansão internacional do clube através de equipas desse calibre, sendo a maior ronda de financiamento realizada nos Esports em Espanha.

Contando com cerca de 75 funcionários dos quais 80% são jogadores e staff técnico, os Vodafone Giants apresentaram receitas de 3,4 milhões de euros em 2019 e continua a apresentar sinais de crescimento em 2020 através das parcerias celebradas com a Nike, Chupa Chups, Font Vella e também com o clube de futebol Sevilla F.C, tendo há dois anos celebrado o acordo de naming com a Vodafone.


Os Vodafone Giants anunciaram a maior ronda de financiamento levada a cabo por um clube espanhol de Esports.

Os Vodafone Giants contam com presença portuguesa nos seus quadros através das divisões masculina e feminina de Counter-Strike: Global Offensive e também na equipa de League of Legends, contando com 12 elementos nacionais nestas 3 equipas dos quais se destacam nomes como Ricardo "fox" Pacheco, Amadeu "Attila" Carvalho, Miguel "FearlessS" Santos e Marta "D7" Asensio.
 
O CEO dos Vodafone Giants, José Ramón Díaz, comentou sobre este feito do clube espanhol: "Fechar a maior ronda de financiamento de sempre levada a cabo por um clube de Esports em Espanha confirma a boa saúde da nossa empresa. A incorporação e confiança de um parceiro tão importante reafirma o crescimento que os Giants experienciaram no ano passado.

Vamos continuar a liderar a indústria dos esports nacionais e continua a evoluir e inovar enquanto empresa de entretenimento; o clube também vai construir uma nova sede em Málaga, o seu local de origem, como parte de um projeto ambicioso de desenvolvimento da marca que inclui a criação dos seus próprios canais de venda e desenvolvimento de novos produtos digitais.

Também planeamos continuar a juntar e intensificar as comunidades de outros jogos competitivos, tal como foi feito com os jogos de luta com a abertura do Giants Fighters Dojo em Barcelona, aumentando o seu processo de competição a nível internacional."




 
Topo