As contas dos Playoffs e Manutenção na Master League Portugal V

A Master League Portugal caminho a passos largos para o fim da fase regular da sua quinta temporada, no entanto apenas duas posições estão já definidas à entrada para a sétima e última jornada.

Contendo a maioria do quinteto que se sagrou campeão da temporada passada, o 1º lugar da tabela classificativa já não foge aos sAw que atingiram 12 vitórias em 12 mapas disputados, enquanto que do outro lado da tabela os Galatics já não conseguem evitar o qualificador fechado da 6ª edição após somar apenas 4 pontos.

Com OFFSET e GTZ Bulls já fora da corrida pelos Playoffs (equipas separadas por 1 ponto que vão lutar pela manutenção esta semana), as equipas de Baecon, Vodafone Giants, For The Win e eXploit ainda podem todas trocar de posição entre si e ambicionam os restantes três lugares de acesso às finais desta temporada.



A classificação atual da Master League Portugal V à entrada para a derradeira jornada.


Sem jogos diretos entre estas quatro equipas na última jornada, os elementos do Fraglíder Hugo "kazac" Pereira e Diogo "Correia" Correia analisaram as várias possibilidades em cima da mesa no que diz respeito aos Playoffs e Manutenção, fazendo as contas para os vários cenários possíveis de igualdade na tabela classificativa e aplicando os critérios de desempate previstos no regulamento.

Tal como mencionado previamente, os critérios de desempate serão bastante importantes para decidir as classificações possíveis - segundo o artigo 2.17 "Classificação" do "Livro de Regras Master League Portugal CS:GO Temporada V" que pode ser consultado aqui, estes são por ordem os cinco critérios aplicados em caso de igualdade pontual:


- Confronto directo

- Número de Vitórias na partida (2 mapas vencidos na mesma partida, não interessando se foi em tempo regulamentar ou em overtime)

- Somatório de rondas ganhas e perdidas

- Caso estejam 3 ou mais Equipas empatadas, realiza-se os 3 passos acima descritos sendo que 11 serão apenas contabilizados os jogos entre as Equipas empatadas.

- No caso de persistência de empate entre um número de equipas impar será realizada uma "Mini-Liga" no formato round-robin BO1. Em caso de empate entre número de equipas par será realizada uma Single Bracket no formato BO3.


Prestes a entrar na exploração dos vários cenários de apuramento para os Playoffs, estes são os confrontos e horários da sétima jornada da Master League Portugal V:

25 de Maio, 19:00 - sAw  vs  eXploit (1º vs 5º)
25 de Maio, 21:00 - Galatics  vs  FTW (8º vs 4º)
27 de Maio, 19:00 - Baecon  vs  OFFSET (2º vs 6º)
27 de Maio, 21:00 - Giants  vs  GTZ Bulls (3º vs 7º)


CONTAS DA MANUTENÇÃO




Bem mais fáceis de fazer, as contas da manutenção rumo à Master League Portugal VI envolvem apenas as equipas de OFFSET e Nplay GTZ Bulls, que vão enfrentar nesta última semana os conjuntos de Nexus2 Baecon e Vodafone Giants respectivamente.

Embora estejam separadas por apenas 1 ponto, a equipa dos OFFSET leva vantagem no que diz respeito à corrida pela manutenção. No dia 29 de Abril, estas equipas enfrentaram-se para a MLP numa série onde o conjunto de Ricardo "zlynx" Matos venceu no Inferno por 16:12 e no Mirage por 16:13, saíndo sempre por cima em qualquer cenário de empate ao aplicar-se o 1º critério previsto - o "Confronto Direto".



Após quatro finais atingidas em quatro temporadas da Master League Portugal, os OFFSET tentam assegurar a manutenção na liga.


Os OFFSET evitam matematicamente o qualificador fechado da próxima temporada caso conquistem 5 dos 6 pontos em discussão no jogo contra os Baecon, ficando dependentes do que os GTZ Bulls fizerem contra os Vodafone Giants caso não atinjam essa marca.

Para conseguir ultrapassar os OFFSET, a igualdade pontual não é opção para os "Touros" que necessitam de somar pelo menos mais 1 ponto que os seus rivais diretos quando a fase regular terminar. Na melhor das hipóteses (2-0 sem Overtimes dos Baecon contra os OFFSET), a equipa de Diogo "Jaepe" Fernandes irá sempre precisar de somar 2 pontos através de vitória em OT ou duas derrotas em OT contra os Giants.


CONTAS DOS PLAYOFFS




A corrida pela Final Four da Master League Portugal vê Nexus2 Baecon, Vodafone Giants, For The Win e eXploit lutar por 3 lugares - apenas uma destas equipas não irá cumprir o seu objetivo inicial. Melhor do que olhar e explorar individualmente as "mil e uma" combinações de resultados existentes e posições finais na tabela classificativa, decidimos analisar e realizar os vários desempates hipotéticos em cima da mesa.

Antes de entrar em cada um deles, vamos primeiro recordar os encontros entre estas quatro equipas, os resultados obtidos e a diferença de rondas resultante que são importantes para o raciocínio:

Equipa A Equipa BResultado Mapa 1Resultado Mapa 2Saldo Equipa ASaldo Equipa B
       
FTW0-2Baecon08:16 de_dust206:16 de_nukeFTW -18Baecon +18
eXploit0-2Giants17:19 de_dust205:16 de_nukeeXploit -13Giants +13
Giants0-2Baecon11:16 de_train17:19 de_mirageGiants -7Baecon +7
FTW1-1Giants16:11 de_nuke07:16 de_vertigoFTW -4Giants +4
FTW1-1eXploit05:16 de_dust219:17 de_infernoeXploit -9FTW +9
eXploit1-1Baecon16:14 de_train06:16 de_nukeeXploit -8Baecon +8

Com 4 jogos distintos e existindo a possibilidade de cada equipa somar entre 0 a 6 pontos, vamos primeiro abordar de que forma as primeiras três equipas conseguem assegurar matematicamente o seu apuramento para a Final Four.

Os Nexus2 Baecon de João "KillDreaM" Ferreira necessitam apenas de 2 pontos para alcançar a Final Four e 4 para assegurar o 2º posto; os Vodafone Giants de Ricardo "fox" Pacheco com 21 pontos necessitam de 3 pontos para assegurar matematicamente a sua passagem, igualando o máximo de pontos que os eXploit podem somar mas levando vantagem no confronto direto.

Por fim, a FTW de Daniel "NABOWOW" Brito possui apenas um ponto de vantagem em relação aos eXploit mas garante a sua passagem sem recorrer aos critérios de desempate com 6 pontos; caso estejam empatados com os eXploit, a FTW pode ficar de fora em alguns cenários que envolvem número de vitórias e saldo de rondas.

Vamos agora aplicar os critérios de desempate nos 11 casos possíveis em que os mesmos são necessários (1 empate a 4, 4 empates a 3, 6 empates a 2), dividindo em quatro categorias conforme a necessidade e tipo de resolução.


EMPATE A 4 (BAECON, GIANTS, FTW, EXPLOIT)




Cenário
: As quatro equipas terminam a fase regular empatadas a 24 pontos;
  • Baecon perdem ambos os mapas, um deles em Overtime;
  • Giants vencem um mapa e perdem o outro - alternativamente, vencem um mapa em Overtime e perdem outro em Overtime;
  • FTW vence ambos os mapas, um deles em Overtime;
  • eXploit vencem ambos os mapas sem Overtime.
A possibilidade mais excitante dos vários cenários em cima da mesa vê as quatro equipas em busca de um lugar nos Playoffs ficarem igualadas na tabela classificativa com 24 pontos somados. Através do confronto direto tendo apenas em conta os mapas jogados entre si, estes são os resultados:



Os Baecon de KillDreaM obtiveram excelentes resultados contra os potenciais oponentes diretos desta fase.


Baecon com duas vitórias e um empate; Giants com uma vitória, um empate e uma derrota, FTW e eXploit ambas com dois empates e uma derrota. Através deste critério, as equipas de Baecon e Giants ocupam respectivamente os lugares #2 e #3 da tabela classificativa. O número de vitórias na partida não é conclusivo para separar FTW e eXploit, sendo necessário recorrer ao somatório de rondas ganhas e perdidas.

Olhando apenas aos jogos realizados entre as quatro equipas, a FTW conta com um saldo de 13 rondas negativas enquanto que os eXploit estão com 30 rondas negativas. Olhando apenas a extremos, cada série representa um 32 positivo (16:00; 16:00) ou um 32 negativo (00:16, 00:16).

Assim sendo, matematicamente a FTW necessita de vencer por uma diferença de 16 para assegurar que nunca irá empatar com os eXploit em rondas (resultado exemplo - 16:04, 19:15), ficando com o 4º lugar da tabela classificativa.


EMPATES A 3 (QUATRO POSSIBILIDADES)




Tal como referido previamente, existem quatro possibilidades de empates a três a envolver as quatro equipas na luta pelos Playoffs, sendo estes os cenários possíveis:


Baecon, Giants, FTW:


Este empate pode verificar-se de três maneiras distintas, com as três equipas a empatar com 23, 24 ou 25 pontos. Com duas vitórias, os Baecon ficam automaticamente no 2º lugar, não sendo possível desempatar Giants e FTW com o confronto direto nem com o número de vitórias.

Sendo necessário recorrer ao saldo de rondas a contabilizar apenas esses 3 jogos, os Giants estão neste momento com -3 rondas e a FTW com -22 rondas, uma diferença de 19 rondas. A equipa de Paulo "pr" Silva evita qualquer empate matematicamente ao conseguir uma diferença de 14 rondas no seu jogo, algo que é no entanto impossível de alcançar no empate a 23 pontos devido à natureza dos resultados necessários para se encontrar nessa situação.
  • Resultado exemplo a 24 pontos - 16:00; 14:16
  • Resultado exemplo a 25 pontos - 16:00; 17:19


Baecon, Giants, eXploit:


Este cenário específico apenas se verifica com 24 pontos, o máximo número de pontos que os eXploit conseguem somar. Estes são os resultados que forçam essa situação:
  • Baecon perdem ambos os mapas, um deles em Overtime;
  • Giants vencem um mapa e perdem o outro - alternativamente, vencem um mapa em Overtime e perdem outro em Overtime;
  • eXploit vencem ambos os mapas sem Overtime.
Utilizando o critério do confronto direto apenas com jogos destas três equipas, os Baecon saem por cima com duas vitórias seguidos dos Giants com uma vitória e uma derrota. Por último, os eXploit ficam com um empate e uma derrota, sendo sempre o último classificado num cenário de empate que envolva estas três equipas.



Os eXploit de BUJ são a equipa com a tarefa mais complicada de concretizar rumo à Final Four da Master League Portugal V.



Baecon, FTW, eXploit:


O empate entre Baecon, FTW e eXploit pode verificar-se de duas maneiras, num empate a 23 e a 24 pontos. Utilizando o confronto direto neste cenário, os Baecon ficam na melhor posição disponível com uma vitória e um empate, seguindo-se os eXploit com dois empates. No fundo deste desempate fica a FTW com um empate e uma derrota, não sendo necessário recorrer a mais nenhum critério previsto no regulamento.


Giants, FTW, eXploit:


Este empate pode verificar-se de quatro maneiras distintas, com as três equipas a poderem empatar com 21, 22, 23 ou 24 pontos. Aplicando o confronto direto, os Giants ficam na frente com uma vitória e um empate, seguidos da FTW com dois empates. Neste desempate, os eXploit de Filipe "pizituh" Pires ficam na última posição com um empate e uma derrota, não sendo preciso utilizar critérios adicionais.


EMPATES A 2 DECIDIDOS NO CONFRONTO DIRETO




Com os cenários de empate a envolver múltiplas equipas já solucionados, restam os seis confrontos diretos possíveis entre as quatro equipas na luta pelos Playoffs. Metade deles são resolvidos imediatamente no confronto direto, sendo eles os seguintes:


Baecon vs Giants: Pode acontecer com 23, 24, 25, 26 e 27 pontos. A equipa dos Baecon sai sempre por cima devido à vitória obtida por 2-0 do dia 22 de Abril.


Baecon vs FTW: Pode acontecer com 23, 24 e 25 pontos. A equipa dos Baecon sai sempre por cima devido à vitória obtida por 2-0 no dia 13 de Abril.


Giants vs eXploit: Pode acontecer com 21, 22, 23 e 24 pontos. A equipa dos Giants sai sempre por cima devido à vitória obtida por 2-0 no dia 15 de Abril.



Apesar dos deslizes que sofreram até agora, bastam 3 pontos aos Vodafone Giants para materializar a sua presença nos Playoffs da MLP.


EMPATES A 2 COM RECURSO A VITÓRIAS E SALDO DE RONDAS




Com o desfecho dos empates resolvidos por confronto direto já exemplicados, iremos agora entrar nos últimos casos existentes a nível de empates, os três casos que irão necessitar de ir até ao último critério existente no regulamento e que podem acabar por necessitar a realização de jogos extra na fase regular para desempatar.


Baecon vs eXploit: Podem ocorrer empates a 23 e 24 pontos. No jogo disputado entre si no dia 20 de Maio, cada equipa venceu na escolha de mapa do oponente, impossibilitando o confronto direto. Relativamente ao número de vitórias na partida, este cenário implica que eXploit conseguem mais uma vitória 2-0 na liga e igualam as 3 dos Baecon, continuando as equipas empatadas.

Os Baecon estão com 30 rondas positivas, uma vantagem de 40 rondas sobre os eXploit que estão com 10 rondas negativas, uma diferença impossível de superar para os eXploit no cenário dos 23 pontos devido à necessidade de vencer um mapa em Overtime.

Em 24 pontos, a equipa de Pedro "fakeS2" Sousa perde um mapa em Overtime (máximo de quatro rondas de diferença), necessitando apenas de garantir que a diferença total dos dois mapas não é superior a 7 para garantir automaticamente a vantagem e evitar qualquer possibilidade de igualdade.


Giants vs FTW: Podem ocorrer empates a 21, 22, 23, 24 e 25 pontos. No jogo disputado entre ambas no dia 29 de Abril, cada equipa venceu na escolha de mapa do oponente, significando que o confronto direto não é opção.

No número de vitórias na partida, os Giants contam com três à entrada para esta jornada e a FTW com duas, significando que este fator irá desempatar a favor da equipa de Renato "renatoohaxx" Gonçalves em 3 de 5 ocasiões. Apenas no cenário de 24 e 25 pontos (este sem que os Giants tenham 2 vitórias em Overtime) é que é possível empatar neste critério, não sendo no entanto suficiente para mudar o desfecho.

Os Giants possuem 33 rondas positivas contra as 10 rondas negativas pertencentes à FTW, uma diferença de 43 rondas no saldo das equipas impossível de superar para o conjunto de João "wrmp" Gomes nos cenários que levam as equipas a ter 24 e 25 pontos, reduzindo no máximo essa diferença para nove rondas a favor dos Vodafone Giants.



Com uma vantagem ténue sobre os eXploit, todos os pontos contam para a FTW caso seja necessário recorrer a desempate entre ambas na MLP.


FTW vs eXploit: Podem ocorrer empates a 19, 20, 21, 22, 23 e 24 pontos. No jogo do dia 11 de Maio que colocou ambas frente a frente no servidor, cada equipa venceu na escolha de mapa do oponente, invalidando o recurso a confronto direto.

Como ambas se encontram com o mesmo número de vitórias na liga, existem apenas dois cenários em que os eXploit conseguem automaticamente superar a fénix sem recorrer ao saldo de rondas. Empate a 22 (com os eXploit a vencer duas vezes em Overtime) e o empate a 23 (desde que a FTW ganhe um jogo e perca o outro em Overtime), combinações que deixariam os eXploit com 3 vitórias e a FTW apenas com 2.

As equipas de FTW e eXploit encontram-se neste momento empatadas a nível de rondas com um saldo negativo de 10, significando que todas as rondas contam num cenário hipotético em que estes conjuntos necessitem de ser desempatados na tabela classificativa da Master League Portugal.


A última jornada da fase regular na Master League Portugal V joga-se nos dias 25 e 27 de Maio, podendo continuar a acompanhar na nossa cobertura da prova todos os resultados, Demos, VODs e estatísticas de diversos jogos da competição.



 
Topo