Sentinels domina Version1 e conquista Challengers Finals NA

Confirmando o favoritismo, Sentinels conquistou o VALORANT Champions Tour Challengers Final da região norte-americana, depois de uma final dominante contra a Version1.

O primeiro mapa da série foi Bind, o pior mapa estatiscamente falando, dos Sentinels, no entanto, foram eles que escolheram o mapa. Apresentando a composição de dois controladores, Michael "dapr" Gulino e companhia venceram por 13-8 depois de um lado defensivo imaculado.
Haven foi o segundo mapa da partida, assim escolhido por Version1. Se no primeiro mapa se destacou o lado defensivo, em Haven foi no ataque de Sentinels que abriu uma boa vantagem. Por 13-9, Sentinels conseguiu superiorizar-se no mapa de escolha do adversário.

Em Icebox, Shahzeb "ShahZaM" Khan no lado da Sentinels e Erik "penny" Penny da Version1 roubaram o protagonismo da partida. O primeiro terminou mesmo o mapa com 31 abates e 360 de ACS. Sentinels confirmou as expectativas colocadas em cima da sua formação para esta final e venceu também o terceiro mapa por 13-9.

Em baixo, as classificações finais das Challengers Finals NA:

1º Lugar – Sentinels – $40,000 + Vaga no Masters 2
2º Lugar – Version1 – $20,000 + Vaga no Masters 2
3/4º Lugar – Cloud9 Blue – $15,000
3/4º Lugar – Envy – $10,000
5/6º Lugar – NRG – $5,000
5/6º Lugar – 100 Thieves – $5,000
7/8º Lugar – Andbox – $2,500
7/8º Lugar – XSET – $2,500




 

Conteúdo de excelência para um público exigente.

Copyrighted material used under Fair Use/Fair Comment.

Criado em 1999 e com o objectivo de ser um projecto abrangente das comunidades e para as comunidades de jogadores, o Fraglíder tornou-se a maior e mais respeitada comunidade de eSports em Portugal.

Tendo sempre como objectivo apoiar as comunidades nacionais de jogos online, o Fraglíder recebeu como prémio do seu trabalho um lugar de destaque em Portugal, fruto da dedicação de muitos, que ajudaram a crescer a história do Fraglíder.

Facebook



Games don't make me violent, stupid people do !

Copyright © 2018 Fraglíder

Topo