Está novamente estalado o verniz no cenário competitivo de CS:GO. De acordo com um report publicado pela Dexerto esta segunda-feira e assinado por Richard Lewis, o cazaque Abay "HObbit" Khasenov, vencedor do PGL Major de Cracóvia e atual jogador da Cloud9, poderá estar envolvido num escândalo antigo de match-fixing.

O caso foi denunciado por Rustam "5TRYK#R" Älımqūlov e remonta à PARTY, uma equipa criada no final de 2015 e onde figuravam dois nomes que viriam a atingir os grandes palcos: HObbit e Bektiyar "fitch" Baqytov. A equipa tinha como objetivo apurar-se para um Major através dos qualificadores regionais, mas rapidamente as coisas descambaram.

A equipa da PARTY era composta por:

 Rustam "5TRYK#R" Älımqūlov
 Abay "HObbit" Khasenov
 Baqtiar "fitch" Baqytov
 Magjan "fANTASTIKA" Temirbolat
 Adlet "keeN" Nūrseiıtov

Alguns meses depois da criação, a equipa acabou por se separar, na sequência do fracasso em alcançar o objetivo a que se propuseram. Nunca mais a PARTY foi um nome de que se ouviu falar, mas 5TRYK#R fez questão de mudar isso há alguns dias.

O antigo treinador da forZe anunciou que está a lutar contra uma grave doença e que não quer deixar nada por dizer caso o pior lhe venha a acontecer. Assim, a conversa do match-fixing surgiu e o ex-jogador cazaque trouxe provas para atestar aquilo que trouxe a público. Nessas provas incluem-se vídeos com explicações sobre o sucedido e também screenshots quer do site de apostas, quer de mensagens dos jogadores. É nesta última que se inclui HObbit, com screenshots de mensagens do atual jogador da Cloud9.

De acordo com Richard Lewis, 5TRYK#R esteve sempre ciente de que divulgar esta história também resultaria em consequências para si mesmo, mas ainda assim decidiu ir em frente. Ainda segundo a mesma fonte, todas as provas foram encaminhadas para a ESIC, que revelou à Dexerto que já iniciou uma investigação preliminar e está a tratar o assunto com extrema seriedade. Os jogos em causa foram todos disputados a 21 de dezembro de 2015.

Os vídeos divulgados por 5TRYK#R foram os seguintes: