Fotografia: Stephanie Lindgren/ESL

IEM Road to Rio 2022 terminou no último fim de semana, mas ainda há dados que podem ser analisados na competição. Um desses dados prende-se com os mapas e com o número de vezes que cada um foi jogado durante a competição, o que também permite tirar algumas tendências atuais entre as melhores equipas do Mundo.

Segundo os dados estatísticos da HLTV.org, o mapa mais jogado na combinação dos quatro torneios — Europa A, Europa B, Américas e Ásia-Pacífico — foi Inferno. Um dos mapas históricos do Counter-Strike, Inferno foi jogado 33 vezes ao longo do torneio. Para tal contribuiu em grande escala o torneio das Américas, onde o mapa em questão foi jogado em 13 ocasiões, mais do que qualquer outro.

No outro extremo da tabela surgem VertigoOverpass, este último que tem sido muitas vezes o alvo da comunidade, que pede a sua saída da map pool ativa. Durante o IEM Road to Rio 2022Overpass foi jogado em 22 momentos, ao passo que Vertigo foi o mapa menos jogado em toda a competição — 21 vezes.

Curiosamente, os dois mapas gozam de maior reputação em continentes distintos. Overpass parece ser a preferência das equipas americanas, que o escolheram em 12 encontros. Já Vertigo parece ser um mapa bem mais “europeu”, já que foi jogado por 15 vezes (num total de 21) em encontros nos dois grupos europeus.

Ancient Nuke Mirage Vertigo Overpass Inferno Dust2
Europa A 11 11 10 8 6 5 4
Europa B 6 5 11 7 4 11 15
Américas 8 11 5 5 12 13 6
Ásia-Pacífico 4 1 2 1 0 4 0

Nota: O torneio da Ásia-Pacífico foi composto apenas por quatro equipas e teve um número consideravelmente menor de encontros

SAW foi uma das equipas presentes na competição. Os warriors jogaram apenas cinco mapas, sendo que Nuke foi o mais jogado pelos portugueses (duas vezes).

Vê também: