Capa do Patch 5.01 do Valorant

O Phoenix, Yoru e KAY/O foram os elementos centrais do patch 5.01 do Valorant, revelado pela Riot esta terça-feira.

A Riot introduziu mudanças a três habilidades do Phoenix, com o objetivo de o voltar a colocar ativamente na meta. A flash da Curveball dura mais 1.5 segundos, enquanto o tempo de ativação é 0.5 segundos menor.

A ‘parede’ do Phoenix, Blaze, recebeu também uma alteração mínima: caso o Phoenix pare de curvar a parede, equipará a sua arma mais rápido. No que toca ao ultimate, Run it Back, o agente passa a dar respawn com os escudos com que ativou a habilidade.

No que toca a Yoru, a Riot continua a introduzir mudanças para o tornar mais relevante. O seu Dimensional Drift dura agora mais dois segundos, enquanto que o tempo para desequipar foi reduzido para 0.8 segundos.

Ler também:

O KAY/O sofreu alterações no FRAG/ment e no NULL/cmd. Na primeira, a habilidade tem agora oito metros, ao invés de 10, e deixa de depender da linha de visão. A habilidade passará a fazer dano independentemente de qualquer obstáculo entre ela e os jogadores.

No que toca à NULL/cmd, o áudio completo da ressuscitação do KAY/O será escutado apenas por aliados. Os inimigos ouvirão apenas um breve som, semelhantemente a uma orb de ultimate ou um toque na bomba.

Na América do Norte, a Riot introduziu uma nova funcionalidade para detetar smurfs, a fim de colocar jogadores novos em pé de igualdade com os seus adversários muito mais rapidamente. Os testes começam a 11 de julho.

Finalmente, o patch 5.01 traz uma sistema de colisões melhor entre jogadores, com o propósito de reduzir tremores gráficos quando um jogador se aproxima dos seus colegas de equipa.

Podes consultar a lista de mudanças do patch 5.01 no site oficial da Riot.