axoN e Grow uP seguem caminhos distintos

A equipa de Counter-Strike: Global Offensive dos Grow.uP Esports está a sofrer mexidas e a primeira baixa confirmada publicamente é a de Joaquim "axoN" Pinto, jogador que representou os Grow.uP Gaming durante esta temporada e que agora se encontra livre após abandonar o projeto.

Os Grow.uP Gaming tinham voltado ao Counter-Strike: Global Offensive para competir na 1ª edição da Liga Portuguesa de Counter-Strike ao apostar nos ScTaa, equipa que chegou ao qualificador fechado e que acabou por ficar na 2ª divisão da LPCS. Com o término da primeira temporada da competição organizada pela Inygon, axoN integrou o projeto e a equipa obteve a qualificação para a Master League Portugal S3 após chegar ao qualificador fechado e eliminar os ASP, atuais eXploit que eram favoritos a uma das vagas.


axoN não irá continuar a sua estadia com os Grow.uP.

A participação na liga da E2tech acabou por não correr da melhor forma para o lineup terminou a fase regular na última posição com 10 pontos conquistados em 14 BO1s, perdendo assim o lugar garantido na próxima temporada da Liga e tendo de o reconquistar através do qualificador fechado. Os resultados posteriores não deram sinais de melhoria no lineup dos Grow.uP que se apresentou no qualificador fechado para a XF Braga Cup e foram uma das surpresas pela negativa, ficando pelo primeiro dia da competição ao serem surpreendidos pelos Golden Gaming na fase de grupos.

Ainda é incerto se Joaquim "axoN" Pinto será o único elemento a abandonar a atual equipa dos Grow.uP Gaming, com mais novidades a serem esperadas nos próximos dias para o futuro do jogador e da equipa uma vez que está próximo o recomeço da LPCS.





 
Topo