Treinador brasileiro de VALORANT castigado pela Riot

O técnico Rodrigo "Gatti" Gatti da equipa de VALORANT da Vorax, recebeu uma suspensão de 10 jogos oficiais, não podendo acompanhar a equipa nas partidas.

O motivo prende-se, segundo comunicado lançado pela Riot, que o brasileiro terá incentivado os espectadores das suas transmissões ao vivo a apostar em partidas, algo que não é permitido.


dragonite e companhia não poderão contar com Gatti nos próximos compromissos (Foto: Vorax/Divulgação)

A Riot extende o comunicado dizendo ainda que "o envolvimento de atletas do competitivo em conteúdos que incitem e/ou que promovam apostas, seja de forma direta ou indireta, incluindo palpites, é inaceitável, pois trata-se de uma das violações mais graves no desporto profissional, atingindo diretamente a integridade competitiva."

Gatti fica assim suspenso em 10 partidas do circuito Challengers Brasil, no entanto, visto que a sua equipa não tem presença marcada para o Stage 2, a suspensão passará para o Stage 3.

A Riot mostra-se bastante proativa em manter a integridade competitiva do seu jogo, quando 38 elementos de várias equipas de League of Legends foram punidos pela produtora também devido a apostas e matchfixing.



 

Conteúdo de excelência para um público exigente.

Copyrighted material used under Fair Use/Fair Comment.

Criado em 1999 e com o objectivo de ser um projecto abrangente das comunidades e para as comunidades de jogadores, o Fraglíder tornou-se a maior e mais respeitada comunidade de eSports em Portugal.

Tendo sempre como objectivo apoiar as comunidades nacionais de jogos online, o Fraglíder recebeu como prémio do seu trabalho um lugar de destaque em Portugal, fruto da dedicação de muitos, que ajudaram a crescer a história do Fraglíder.

Facebook



Games don't make me violent, stupid people do !

Copyright © 2018 Fraglíder

Topo