FunPlus Phoenix vence Worlds de League of Legends

Com mais de um mês de jogos, os Worlds de League of Legends terminaram hoje em Paris com uma vitória inédita dos FunPlus Phoenix que se sagraram campeões mundiais deste ano após bater na final os G2 Esports por 3-0.

O torneio mundial da RIOT iniciou com 16 equipas após o Play-In e continha $2,113,750 de prizepool, vendo as suas etapas ser disputadas em Berlim, Madrid e Paris para encontrar um novo campeão mundial e ver a Summoner’s Cup, um dos troféus mais ambicionados do mundo, ser levantado após a parceria estabelecida este ano com a Louis Vuitton.


Após a vitória chinesa no ano passado, a Summoner’s Cup voltou a ser vencida por uma equipa da LPL. (Foto por LolEsports)

Na semana passada, as equipas de Invictus Gaming (campeões do mundo) e SK Telecom T1 de Lee "Faker" Sang-hyeok foram eliminadas em Madrid respectivamente por FunPlus Phoenix e G2 Esports com resultados de 3-1 para marcar uma final inédita no AccorHotels Arena em Paris.

Numa final bastante antecipada e realizada em solo europeu, os G2 Esports de Luka "Perkz" Perković já tinham melhorado o registo do ano passado (meias finais) mas procuravam levantar o troféu e sagrar-se a melhor equipa do mundo contra o vencedor da LPL.


Momento da vitória dos FPX Esports nos Worlds.

Conhecida pelas suas músicas e cerimónias de abertura, a RIOT Games não desiludiu e produziu um bom espetáculo antes do BO5 entre ambas as equipas - a primeira partida caia para o lado dos chineses após 40 minutos de jogo e 22 kills contra 7. Sem grandes dificuldades, os FunPlus Phoenix não permitiram resposta aos G2 e tornaram o 2º jogo numa vitória a seu favor ainda mais fácil, bastante apenas 25 minutos e 20 kills contra 4 para ficar a 1 jogo da vitória.

Dar a volta ao BO5 era uma tarefa bastante complicada e os G2 acabaram mesmo por não conseguir colocar um mapa a seu favor na série, perdendo após 30 minutos para ver os FPX Esports levar para casa $834,375 e erguer o troféu do Mundial de League of Legends, repetindo a vitória chinesa do ano passado.

Esta final também se tornou histórica por outros motivos, com o AD Carry Lin "Lwx" Wei-Xiang a tornar-se no primeiro jogador a não morrer uma única vez durante a grande final dos Worlds. Com a grande final concluída, tambem se tornou conhecida a localização das finais do próximo ano, com a RIOT Games a anunciar que a sua competição irá regressar a Xangai para os Worlds em 2020.





 
Topo