Fotografia: GenG

Na passada terça-feira (13), a Gen.G anunciou o seu regresso ao cenário competitivo de Counter-Strike. A formação que, outrora, contou com atletas como Timothy “autimatic” Ta, Sam “s0m” Oh e Hansel “BnTeT” Ferdinand, vai voltar com um lineup chinês.

Através do portal Weibo, a organização norte-americana confirmou a entrada no Counter-Strike 2, e sublinhou a importância na valorização do mercado chinês: “A criação da equipa “CS2″ não só marca o acompanhamento da Gen.G eSports Club ao ritmo dos tempos, como também acrescenta uma nova faísca ao mercado de eSports da categoria FPS da China”, escreveu a Gen.G.

GenG Announcement their comeback of CS with Chinese rosters
byu/XSyrusX inGlobalOffensive

Outra nuance que terá influenciado na decisão da organização, é o mais recente anuncio da Valve relativamente ao calendário de Majors. Em 2024, a China vai receber, pela primeira vez na história, um Major de Counter-Strike, e a Gen.G quer marcar presença: “Este evento histórico fez com que inúmeros fãs chineses que adoram CS esperassem ansiosamente que as melhores equipas do mundo se reunissem em Xangai e oferecessem jogos emocionantes. Agora, a Gen.G vai juntar-se às fileiras e competir pela maior glória para a família CNCS”, explicou o Presidente da empresa, Guan Wang.

De momento, o cenário asiático conta com algumas equipas com expressão mundial. Os casos de TYLOO, Rare Atom e Lynn Vision, obrigam a Gen.G a recorrer profundamente ao mercado para encontrar um quinteto perspetivas de sucesso.