Fotografia: PGL

A equipa de O PLANO não conseguiu ultrapassar o qualificador aberto de acesso ao PGL Copenhagen Major RMR e, não irá estar presente no primeiro Major de Counter-Strike 2 da história. A equipa brasileira perdeu na terceira ronda do segundo e último qualificador da região sul-americana para a Bombril 1001 utilidades, por 13-9.

A equipa com nomes bastante sonantes como Vito “kNg-” Giuseppe, Fernando “fer” Alvarenga, Epitácio “TACO” de Melo, Ricardo “boltz” Prass e Lincoln “fnx” Lau, era apontada como uma das favoritas à passagem ao qualificador fechado do RMR. Contudo, o quinteto brasileiro não foi capaz de superar o qualificador aberto.

O segundo qualificador aberto até começou a correr bem para o quinteto brasileiro, que na primeira ronda derrotou a Made in África 2.0 sem qualquer dificuldade por 13-0. Seguiu-se duelo contra a não temos um plano!, onde novamente, kNg- e companhia foram superiores e asseguraram a vitória por 13-8.

A surpresa viria a surgir na terceira ronda, quando O PLANO não foi capaz de superar a Bombril 1001 utilidades, tendo perdido para este conjunto por 13-9. Esta derrota ditou o final do sonho de O PLANO em estar presente no primeiro Major de Counter-Strike 2 da história, que irá acontecer em Copenhaga.

Lê também:

Recorde-se que no primeiro qualificador a equipa de TACO teve perto de conseguir a qualificação, mas, ficou a duas vitórias de alcançar o objetivo, tendo sido derrotada na quinta ronda pela Dusty Roots (13-9).