SZPERO
Fotografia: Adela Sznajder/ESL

A Rebels Gaming, organização do jogador português de futebol, Bruno Fernandes, completou as fileiras da equipa de Counter-Strike. Depois de ter anunciado o lineup para a próxima temporada, a Rebels juntou Grzegorz “SZPERO” Dziamałek à equação.

O ex-atleta de 32 anos divulgou, na passada sexta-feira (19), o fim da carreira como jogador. Ora, dias depois, SZPERO deu continuidade à sua ligação ao jogo, desta vez em funções diferentes. O polaco que, outrora, passou por projetos como ESC, Kinguin, 9INE e Anonymo, assume, de imediato, o comando técnico da Rebels.

Nesta temporada, a Rebels anunciou a contratação do ex-quinteto da PALOMA. O primeiro desafio de calibre é o Play-In da IEM Katowice 2024, competição que o conjunto garantiu a presença através do Campeonato Polaco da ESL.

O lineup da Rebels:

Patryk “olimp ” Woźniak
Kamil “kisserek” Banak
Rafał “sNx” Snopek
Mariusz “casey” Jarząb
Alan “Flayy” Krupa

Grzegorz “SZPERO” Dziamałek (Treinador)

No passado, ao serviço da Kinguin, SZPERO chegou a dividir servidor com o lendário AWPer português, Ricardo “fox” Pacheco. Agora, a aventura volta a envolver um nome lusitano, mas as nuances são distintas.