Fotografia: Stephanie Lindgren/PGL

O analista britânico Duncan “Thorin” Shields partilhou um vídeo no seu canal de YouTube, onde revelou os valores que recebeu ao longo da sua carreira enquanto analista de Counter-Strike.

No vídeo publicado, Thorin discrimina o valor que recebeu, por ano, para desempenhar a função de analista e, em quantos torneios participou ao longo desse ano, para obter esse valor. Olhando para os números apresentados pelo britânico, podemos observar que ao longo da sua carreira recebeu mais de $425 000, sendo que 2016 foi o ano mais rentável, embora não tenha sido o ano em que mais trabalhou, no que diz respeito ao número de competições em que esteve presente.

Para além de discriminar o seu vencimento anual, o analista revela ainda o valor que recebeu para trabalhar nos oito Majors em que esteve presente, revelando o valor que recebeu em cada um.

O dinheiro ganho por Thorin enquanto analista foi o seguinte:

Ano Nº de torneios Ganhos
2013 1 $1 350
2014 7 $8 094
2015 17 $24 812
2016 15 $125 425
2017 12 $62 966
2018 9 $57 248
2019 6 $39 099
2020 4 $90 163
2021 2 $16 600

 

Os ganhos de Thorin nos torneios Major em que trabalhou foram os seguintes:

Major Ganhos
 DreamHack Winter 2013 $1 350
 DreamHack Winter 2014 $2 500
 DreamHack Open Cluj-Napoca 2015 $2 500
 MLG Columbus 2016 $4 300
 ESL One Cologne 2016 5 000€
ELEAGUE Major Atlanta 2017 (Pacote de 4 torneios) $21 000
 StarLadder Major Berlin 2019 8 500€
 PGL Major Stockholm 2021 $13 000

 

Nos últimos tempos, Thorin tem estado afastado da função de analista, mas, nem por isso afastado do cenário competitivo. O britânico de 40 anos tem produzido bastante conteúdo no seu canal de YouTube, onde já entrevistou jogadores como Marcelo “coldzera” David, Robin “ropz” Kool e Oleksandr “s1mple” Kostyliev.